Publicado 10 de Agosto de 2013 - 12h04

Por Agência Estado

Os manifestantes que ocupam a Câmara Municipal desde a manhã de sexta-feira (9)

Agência Brasil

Os manifestantes que ocupam a Câmara Municipal desde a manhã de sexta-feira (9)

Após 1h30 de reunião neste sábado, uma comissão de 12 manifestantes que ocupam a Câmara de Vereadores do Rio desde a última quinta-feira entregou uma lista com cinco reivindicações ao presidente da Casa, Jorge Felippe (PMDB). A principal exigência é a substituição de quatro dos cinco vereadores que compõem a recém-instalada CPI dos Ônibus, e que não assinaram o requerimento para criação da comissão.

Segundo o vereador Jefferson Moura (PSOL), que participou do encontro, o presidente da Câmara recebeu a lista de reivindicações e prometeu marcar uma reunião com todos os 51 parlamentares na próxima segunda-feira (12) para debater o assunto. Os manifestantes, no entanto, prometeram continuar com a ocupação do Palácio Pedro Ernesto até que suas exigências sejam atendidas.

"Do ponto de vista do regimento da Casa, a CPI já está formada e o presidente não tem poder para substituir seus membros. Ele prometeu convocar uma reunião na segunda-feira, com todos os vereadores, para tentar encontrar uma saída política. Ou seja: que os atuais membros renunciem. Mas nada impede que a OAB ou o Ministério Público entre na Justiça contra a atual comissão", explicou Jefferson Moura.

Além de Moura e Jorge Felippe, participaram da reunião deste sábado os vereadores Renato Cinco (PSOL), Reimont (PT), Jairinho (PSC) e Rosa Fernandes (PMDB), além de representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O autor do requerimento de criação da CPI, Eliomar Coelho (PSOL), não compareceu.

A CPI atualmente é composta pelos vereadores Chiquinho Brazão (PMDB), Professor Uóston (PMDB), Jorginho da SOS (PMDB) e Renato Moura (PTC). Nessa sexta-feira, os dois primeiros foram escolhidos presidente e relator da CPI, respectivamente.

Tradicionalmente, o autor do requerimento é escolhido presidente da CPI. Por isso, outra exigência dos ativistas é que Eliomar Coelho presida a comissão.

 

Escrito por:

Agência Estado