Publicado 13 de Agosto de 2013 - 20h06

Por France Press

Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama durante discurso

France Press

Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama durante discurso

O governo dos Estados Unidos retomará, na próxima semana, a via diplomática no caso da Coreia do Norte, com o envio de um emissário a China, Coreia do Sul e Japão, parceiros de Washington nessa crise internacional. O enviado especial dos Estados Unidos para os Direitos Humanos na Coreia do Norte, Robert King, estará em Pequim, Seul e Tóquio entre 19 e 29 de agosto, informou o Departamento de Estado em um comunicado.

O representante de Barack Obama se reunirá com funcionários do governo e membros de organizações da sociedade civil dos três países.

Em Pequim, terá encontros com funcionários do Alto Comissariado para os Refugiados da ONU e do Programa de Alimentação Mundial. Em Seul, ele se reunirá com norte-coreanos instalados no vizinho do sul.

As tensões na península coreana diminuíram depois dos picos registrados no início de 2013, após um terceiro teste nuclear realizado por Pyongyang e pelas ameaças lançadas pelo regime norte-coeano contra os Estados Unidos.

Escrito por:

France Press