Publicado 26 de Agosto de 2013 - 12h39

Por Moara Semeghini

Edson Moura Júnior (PMDB) tomou posse como prefeito de Paulínia no dia 16 de julho

Cedoc/08set2012/RAC

Edson Moura Júnior (PMDB) tomou posse como prefeito de Paulínia no dia 16 de julho

A Prefeitura de Paulínia descobriu um esquema de grampos de áudio e monitoramento de vídeos ilegal dentro do gabinete do prefeito Edson Moura Júnior (PMDB). 

Às 14h desta segunda-feira (26), o secretário de segurança, Cícero de Brito denunciará o caso na Delegacia de Paulínia, localizada na Rua São Bento, 300, no bairro Santa Cecília.

O material apreendido será entregue à Polícia Civil, responsável pela investigação. O secretário também fará a denúncia ao Ministério Público. 

O prefeito, que assumiu recentemente o cargo após uma decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), não estava usando o gabinete. O motivo era a desconfiança de que havia espionagem. Alguns fios suspeitos foram achados dentro da sala e uma empresa especializada em varredura foi contratada.

GM encontrou grampos no gabinete do prefeito de Paulínia Edson Moura Júnior (PMDB)O trabalho começou na sexta-feira e foi identificado um aparelho que captava imagens e sons do gabinete, transmitindo em tempo real via internet. A polícia foi chamada para tentar rastrear o envio desses dados.

Com informações de Luciana Félix/AAN

Veja também

Escrito por:

Moara Semeghini