Publicado 10 de Julho de 2013 - 10h44

Por Da redação

A Polícia Militar do Estado de São Paulo divulgou nesta quarta-feira (10) o balanço da Operação Nove de Julho que registrou nos quase 22 mil km de rodovias estaduais uma queda de 1.062 para 1.056, em comparação com o feriado de Corpus Christi , de 2013, reduzindo aproximadamente 1%.

O referencial comparativo utilizado foi a Operação Corpus Christi 2013 por guardar verossimilhança, tanto nos dias em que o feriado estendeu-se, sexta-feira a terça-feira (05 dias), bem como em razão da frota de veículos em circulação. A polícia optou por não realizar o comparativo com a Operação Nove de Julho de 2012, pois o dia comemorativo daquele ano incidiu em uma segunda-feira, tendo o feriado se prolongado de sexta à segunda-feira, com apenas 04 dias.

O número de vítimas fatais apresentou um aumento, de 38 para 40, sendo que em relação às pessoas feridas leves e gravemente foram registradas 635 contra 480. 

Do total de acidentes que ocasionaram vítimas fatais, 72% ocorreram no período noturno e das 40 mortes, 12 foram em colisões frontais.

Foram apreendidos 1.415 veículos, 504 carteiras de habilitação e 3.119 documentos de veículos por irregularidades.

Neste feriado foram presos em flagrante delito, pelo crime de Embriaguez ao Volante, artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro, 86 condutores.

Escrito por:

Da redação