Publicado 12 de Julho de 2013 - 18h42

Guardas Municipais patrulham área do Cemitério da Saudade 24 horas por dia

Luís Augusto/AAN

Guardas Municipais patrulham área do Cemitério da Saudade 24 horas por dia

Um homem foi preso na madrugada desta sexta-feira (12) após tentar furtar placas de bronze de lápides do Cemitério da Saudade, nos Campos Elíseos, Zona Norte de Ribeirão Preto. Este foi o terceiro caso só nesta semana em que objetos foram furtados no local.

O pedreiro Denis Benedito dos Santos, 36 anos, foi surpreendido pelo guarda municipal Josué Pereira da Silva, 42, que fazia a ronda noturna no cemitério e viu quando o suspeito pulou o muro com os objetos furtados.

Moradores vizinhos também estranharam a movimentação e ligaram para a Polícia Militar. Já do lado de fora do cemitério, o pedreiro passou a ser perseguido por guardas municipais e uma viatura da Polícia Militar. Pouco antes, o homem se preocupou em arremessar as placas de bronze de volta para o cemitério para tentar não ser incriminado.

Policiais militares prenderam o suspeito, que estava em uma bicicleta azul, no cruzamento da rua Fernão Sales com a Marquês de Pombal, ainda nos Campos Elíseos. Posteriormente, o pedreiro foi reconhecido pelo guarda municipal e também assumiu que tinha planejado furtar as placas de bronze para vendê-las.

Os objetos foram recuperados e estão sendo devolvidos aos túmulos de onde foram retirados. Já o suspeito foi encaminhado ainda na manhã desta sexta-feira (12) ao Centro de Detenção Provisória de Ribeirão.