Publicado 10 de Julho de 2013 - 11h18

Por Correio

O número de acidentes nas rodovias do Estado de São Paulo caiu de 1.062 para 1.056, segundo balanço divulgado nesta quarta-feira (10) pela Polícia Militar. A Operação Nove de Julho 2013 foi desenvolvida desde às 14h da última sexta-feira (5) até às 23:59h desta terça-feira (9). O referencial comparativo utilizado foi a Operação Corpus Christi 2013.

Já o número de vítimas fatais apresentou discreto aumento, de 38 para 40, sendo que em relação às pessoas feridas leves e gravemente foram registradas 635 contra 480. Segundo informações da Polícia Rodoviária Estadual, esses números poderiam ter sido diferentes se não fosse o comportamento imprudente de alguns condutores e a falta de adoção de ações seguras por parte dos pedestres, que afirmou que após análise das circunstâncias, constatou-se que a maioria desses acidentes poderiam ter sido evitados.

 

Do total de acidentes que ocasionaram vítimas fatais, foi constatado que a maioria ocorreu no período noturno, representando aproximadamente 72% do total De acordo com a polícia, a maioria dos acidentes ocorre devido a imprudência de alguns condutores e pedestres que não respeitaram a sinalização e a fiscalização.

 

Das 40 mortes, 12 foram em colisões frontais, relacionados com a falta de prudência dos motoristas quando, na maioria das vezes, apesar da sinalização das rodovias, tentaram a ultrapassagem em locais não permitidos, associadas em sua maioria por excesso de velocidade. As vítimas fatais em colisões frontais somadas às ais decorrentes de atropelamentos (motivados pela realização da travessia da pista sem os devidos cuidados e ignorando a existência de passarela nas proximidades) chegam a mais da metade das mortes de todo o feriado prolongado, com 52,5%.

 

Outras cinco mortes resultaram de choques, tipo de acidente relacionado diretamente a falta de atenção, a não observância dos limites de velocidade e das regras gerais de circulação e conduta segura, dando causa aos acontecimentos e concorrendo diretamente para o resultado obtido.

 

Indicadores das ações de Polícia de Segurança

Sobre o aspecto da prevenção e repressão criminal, foram presas 109 pessoas em flagrante por cometimento de crimes diversos (dentre eles tráfico e porte de entorpecentes, roubo e furto de veículos e embriaguez ao volante), 06 procurados pela justiça foram capturados, 13 veículos que haviam sido roubados/furtados foram recuperados, 03 armas de fogo foram apreendidas, além de quase 457 Kg de entorpecentes, 5.600 maços de cigarros contrabandeados e R$ 47.894,75 em moedas (nacionais e estrangeiras), resultados das intensivas ações de combate às diversas modalidades de crimes nas rodovias estaduais.

Escrito por:

Correio