Publicado 12 de Julho de 2013 - 12h20

Por France Press

Edward Snowden é visto pela primeira vez após denúncias contra os EUA

France Press

Edward Snowden é visto pela primeira vez após denúncias contra os EUA

O ex-analista americano de inteligência Edward Snowden, bloqueado há quase três semanas em um aeroporto de Moscou, pode ficar na Rússia se interromper as atividades contra os Estados Unidos, afirmou o porta-voz do Kremlin.

"Snowden poderia teoricamente permanecer na Rússia se, primeiro, renunciar totalmente às atividades contra nossos sócios americanos e, segundo, se ele mesmo desejar", afirmou o porta-voz do presidente Vladimir Putin, Dmitri Peskov, à agência Interfax.

Escrito por:

France Press