Publicado 12 de Julho de 2013 - 19h10

Por Agência Estado

Um dos maiores ídolos da história recente do Vasco, Juninho Pernambucano iniciou a sua terceira passagem pelo clube sem muito alarde. Na manhã desta sexta-feira (12), antes mesmo da sua apresentação oficial, o meia vestiu o uniforme do clube e realizou o seu primeiro treinamento sob o comando do técnico Dorival Júnior.

O retorno de Juninho ao Vasco era dado como certo nos últimos dias, mas ainda não havia sido oficializado pelo clube. Agora, porém, o jogador voltará a defender o time em que viveu alguns dos melhores momentos da sua carreira, após uma rápida passagem, pelo New York Red Bulls, dos Estados Unidos.

Na primeira vez em que defendeu o Vasco, entre 1995 e 2001, Juninho disputou 111 partidas e marcou 26 gols. Além disso, conquistou os títulos da Libertadores (1998), da Copa Mercosul (2000), do Campeonato Brasileiro (1997 e 2000), do Torneio Rio-São Paulo (1999) e do Campeonato Carioca (1998).

Na segunda passagem, entre 2011 e o ano passado, Juninho marcou 11 gols em 50 partidas disputadas. Agora, de volta ao Vasco, o meia, de 38 anos, deverá defender o clube nos próximos meses e, depois, encerrar a sua carreira. Nesta sexta, ele participou da parte física e técnica do treinamento, só ficando fora do coletivo.

O meia explicou que está bem condicionado e garantiu que logo deve reestrear pelo Vasco. "Vinha jogando normalmente nos estados Unidos e, por isso, estou com ritmo de jogo. Quero logo ajudar os companheiros e o Vasco", afirmou Juninho, ao site oficial do clube.

O presidente do Vasco, Roberto Dinamite, disse que o interesse em contratar Juninho surgiu logo após o meia se desligar do New York Red Bulls. "Procurei o Juninho no mesmo dia que soube da saída dele do antigo clube. Ele me disse que poderia parar ou permanecer no futebol, jogando pelo Vasco, se fosse no Brasil. Conversamos e mostramos que ele seria muito importante para nós. Ele aceitou e vamos poder desfrutar de seu talento e experiência no Brasileiro e na Copa do Brasil. Estamos muito satisfeitos com o seu retorno", disse.

Escrito por:

Agência Estado