Publicado 12 de Julho de 2013 - 6h00

Por Agência Anhanguera de Notícias

Lotes do quarto leilão da 7ª Ciretran realizado em 2011 na Emdec

Cedoc/ RAC

Lotes do quarto leilão da 7ª Ciretran realizado em 2011 na Emdec

Mais um lote de veículos apreendidos no Pátio Municipal de Campinas irá a leilão nesta sexta-feira (12), a partir das 10h30.

A previsão da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), que gerencia o pátio, é que sejam comercializados 753 veículos, sendo 560 motos, 193 carros, além de dois lotes de peças. O certame será realizado na Chácara São Pedro, que fica na Avenida Ricardo Bassoli Cezare, 5.000, no Jardim São José.

No primeiro leilão do ano, em março, foram comercializados 600 veículos. Em maio, durante o segundo leilão, foram 460.

Apesar das tentativas de esvaziar o pátio municipal, o número de veículos apreendidos ainda é grande. O estacionamento possui 1.029 vagas demarcadas, que podem abrigar até 2,3 mil unidades, mas atualmente são 7.780.

Por causa da superlotação, 1,5 mil veículos estão recolhidos na sede da Emdec, na Vila Industrial. Outros 707, incluindo caminhões e ônibus, estão no Departamento de Inspeção Veicular (DIV) da Emdec, no Jardim Satélite Íris II.

A grande maioria — 95% dos veículos — são originados de apreensões realizadas pelas polícias militar e civil, os outros 5% são apreensões feitas pela Emdec. A escolha dos lotes a serem comercializados é feita pela 7ª Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) de Campinas, que realiza todo o trâmite burocrático, como cancelamento de Renavam e emissão de nota fiscal da aquisição do produto. Em alguns leilões, como no desta sexta, a 7ª Ciretran irá regularizar a documentação de 54 motos e 35 carros.

A expectativa da Ciretran é de realizar pelo menos um leilão por mês em Campinas, mas atualmente a média é de um a cada dois meses. No ano passado, foram apenas cinco leilões e 2,8 mil veículos arrematados.

Escrito por:

Agência Anhanguera de Notícias