Publicado 07 de Abril de 2013 - 19h31

Por Renê Moreira

A Polícia Civil de Batatais (SP) localizou neste domingo (7) o corpo de um taxista de 68 anos que estava desaparecido desde a noite anterior. Ele teria sido morto a machadadas e depois foi amarrado a um tronco e jogado no rio.

O crime foi descoberto porque o filho da vítima parou em um posto para abastecer, numa avenida da cidade, e viu o carro do pai com outro homem. O taxista havia desaparecido após ser chamado para levar um passageiro até a zona rural.

Um lavrador de 45 anos, que estava ao volante do táxi, alegou ter obtido o carro de outra pessoa sem saber que havia sido roubado. Porém, na fazenda onde trabalha foram achadas roupas e objetos do taxista, além do machado sujo de sangue.

Também foram observadas no celular do suspeito duas ligações para o telefone da vítima. Ele foi preso em flagrante e mandado para o CDP (Centro de Detenção Provisória) de Franca.

Escrito por:

Renê Moreira