Publicado 05 de Abril de 2013 - 20h21

Por Agência Estado

O Hospital Universitário de Santa Maria (RS) confirmou mais cinco casos de contaminação de pacientes pela Klebisiella Pneumoniae Carbapenemase (KPC), conhecida como superbactéria por sua resistência a antibióticos, nesta sexta-feira (5), e anunciou que fará algumas restrições à movimentação de pessoas dentro de suas dependências.

Com os novos registros, o total de infectados pela KPC chegou a oito nos últimos dois meses. Uma mulher de 65 anos estava contaminada quando morreu, em fevereiro, por múltiplas doenças, depois de três meses de internação. Segundo nota distribuída pelo hospital, um paciente está internado, em isolamento, e seu quadro evolui de maneira satisfatória. Os outros já deixaram o hospital.

Diante da constatação da presença da KPC, o hospital decidiu restringir o atendimento do Pronto-Socorro a casos de emergência e referenciados, suspender cirurgias eletivas e reforçar procedimentos internos para segurança de pacientes e controle da infecção.

Escrito por:

Agência Estado