Publicado 05 de Abril de 2013 - 13h31

Por Agência Estado

A principal hipótese da morte do vocalista do Charlie Brown JR, Chorão, é overdose

Cedoc

A principal hipótese da morte do vocalista do Charlie Brown JR, Chorão, é overdose

Um laudo necroscópico feito pela Polícia Técnico-Científica de São Paulo aponta que Alexandre Magno Abrão, o Chorão, vocalista da banda Charlie Brown Jr., morreu por causa de uma overdose de cocaína. O documento usa informações do exame toxicológico 5054/2013 do Instituto Médico-Legal (IML), que aponta uma concentração de 4,7 microgramas de cocaína por mililitro de sangue. As informações são do SPTV, da Rede Globo, que mostrou o laudo 758/2013. Antes, o portal G1 já havia antecipado a informação. Chorão foi encontrado morto na madrugada do dia 6 de março em seu apartamento na Rua Morás, em Pinheiros, zona oeste de São Paulo.

Escrito por:

Agência Estado