Publicado 05 de Abril de 2013 - 13h13

Por France Press

O presidente da Bolívia, Evo Morales, afirmou nesta sexta-feira (5) que o ex-governante da Venezuela, Hugo Chávez, é o "redentor dos pobres", ao recordar um mês de sua morte, e faltando pouco mais de uma semana para as eleições na Venezuela entre o sucessor chavista, Nicolás Maduro, e o opositor, Henrique Capriles.

"Eu cheguei à conclusão de que o irmão Hugo Chávez Frías foi o redentor dos pobres. Simón Bolívar é o libertador da 'grande nação' e Hugo Chávez é o redentor dos pobres, disso nunca vamos esquecer", declarou Morales em um discurso, durante uma cerimônia pública na cidade andina de El Alto.

Ele acrescentou que "as suas visões não atingiram apenas a Venezuela, mas também a América Latina e o Caribe e serão inesquecíveis e inalcançáveis".

Morales e Chávez mantiveram uma estreita relação pessoal e política como governantes e uma relação econômica muito próxima. O boliviano considera o venezuelano como seu mentor político, junto ao líder cubano Fidel Castro e o agora ex-presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva.

Ele também ressaltou que o ex-mandatário venezuelano apoiou a reivindicação boliviana ao Chile pela saída para o mar, que o país perdeu durante uma guerra no final do século XIX.

Escrito por:

France Press