Publicado 10 de Novembro de 2012 - 20h37

Por Agência Estado

O técnico do Palmeiras, Gilson Kleina, evitou falar de seu futuro

Cedoc/RAC

O técnico do Palmeiras, Gilson Kleina, evitou falar de seu futuro

O técnico Gilson Kleina pode mandar o Palmeiras para o ataque diante do Fluminense, neste domingo (11), às 17h, em Presidente Prudente. O treinador realizou dois treinamentos coletivos sem a presença da imprensa na quinta e sexta-feira e chegou a testar uma formação no 4-3-3.

A novidade seria a entrada de Maikon Leite no ataque e com isso Artur iria para o banco de reservas e Wesley seria improvisado na lateral-direita, setor que chegou a atuar em algumas partidas quando defendia o Santos.

Na chegada da equipe em Presidente Prudente, o técnico Gilson Kleina admitiu que pode mudar o esquema. "É uma possibilidade. Utilizamos a formação no treino e foi um teste que fizemos. Vamos ver na hora", disse o treinador, cheio de mistérios.

O atacante Maikon Leite decidiu desconversar sobre o assunto. "Ainda não sei. O professor não me passou nada", garantiu.

Outra alternativa seria manter o time que empatou com o Botafogo em 2 a 2, na última rodada. Com isso, Artur continuaria na lateral-direita, Wesley ficaria no meio de campo e Maikon Leite seria opção no banco de reservas.

Escrito por:

Agência Estado