Publicado 08 de Novembro de 2012 - 12h07

Roedores de Estimação: pequeninos e dóceis, não há como não se apaixonar

Divulgação

Roedores de Estimação: pequeninos e dóceis, não há como não se apaixonar

Hamster chinchila, porquinho da índia. Animais de estimação diferentes, mas que têm se tornado comum em residencias familiares. Alguns mamíferos roedores se destacam por sua aparência frágil e inteligência característica da espécie. Entre os cuidados básicos, a atenção redobrada é uma delas. Por serem animais de porte pequeno, adoram se esconder por aí. Neste caso, manter o ambiente organizado e livre de objetos pontiagudos são estratégicas básicas de conduta. Além disso, sempre disponibilizar alimentos como pedras de cálcio ou frutas mais resistentes, como a maçã, para que possam afinar os dentes que crescem constantemente. Adoram degustar de frutas e legumes, mas sua refeição principal é a base de ração balanceada.

Chinchila

Foto: Raquel Calefi.

Raquel Calefi

Mel, a chinchila da internauta Raquel Calefi

Ao comprar um animalzinho de presente de aniversário para uma amiga, Raquel Calefi não resistiu. A chinchila Mel a cativou pelo temperamento dócil e aparentemente frágil. Além disso, as chinchilas são roedores extremamente limpos, pois não fazem muita sujeira. Seus gestos defecais são pequenos e sem odor, facilitando a higiene do local. Uma característica marcante diz respeito a hora do banho. Independentes, elas tem o hábito de se limparem sozinhas.

Apegada ao dono, são carinhosas e necessitam de atenção, o que não impede que um morador que resida sozinho tenha um bichinho como eles. Como seu habitat natural são as zonas montanhosas da Argentina, Chile, Bolívia e Peru, é ideal que a temperatura ambiente esteja fresca, já que não se adaptam ao calor. A alimentação é praticamente à base de verduras e legumes, pois possuem o sistema digestivo sensível Por conta disso, muitas marcas já comercializam ração própria para o animal. “O cuidado com a alimentação é imprescindível. Por serem roedores, adoram amendoim e coisas do gênero, mas como possuem o estômago frágil, não é aconselhável a ingestão”. Fora isso, as chinchilas são resistentes a doenças comuns à outros animais. Peculiaridade em relação a outros animais domésticos, é a ausência de pulgas e carrapatos devido a densidade de seu pelo. Dessa forma, esses parasitas não sobrevivem.

Quanto Custa

Macho R$65

Fêmea R$ 75

Gaiola R$ 80 a R$120

Ração R$ 15 a R$ 20, dependendo da marca. Duração: aproximadamente 2 meses

 

Porquinho da Índia

Foto: Nathália Magalhães.

Nathália Magalhães

Porquinha da Índia Preta, da internauta Nathália Magalhães

Apesar do nome, o porquinho da Índia não é suíno e nem indiano. Faz parte do grupo de roedores e são de origem sul-amricana, assim como a chinchila. Portanto, necessita dos mesmos cuidados quando o assunto é ambiente. Nathália Magalhães tem dois porquinho há quatro anos, Preta e Carla, e afirma: “são animais extremamente frágeis. Os 2 primeiros porquinhos que eu trouxe vieram doentes do pet shop e morreram em 1 semana” . Para preservada a vida do animal, alguns cuidados devem ser seguido à risca. A alimentação tem que ser balanceada e estar sempre fresca. Verduras com folhas escuras, como almeirão, frutas como uvas e a ração particular para o porquinho, que custa em torno de 20 reais, com duração média de um mês. O alface em demasia pode soltar o intestino do animal por isso é bom evitar de dar ou dê em pequenas quantidades.

Ao contrário das chinchilas, o porquinho da índia costuma ser muito arisco e desconfiado. Mas tanta dedicação é compensadora. “Me apaixonei de cara e percebi que eles são muito inteligentes e que também é preciso dedicação até eles confiarem em você”.

Quanto Custa

Pêlo Comum:R$22,90

Pêlo Longo:R$55,90

Pêlo Transverso:R$31,90

Gaiola: R$ 100 em média

Ração R$ 10 reais. Duração: 1 mês

 

Hamster

Foto: Hamster: O roedor favorito entre os domésticos.

Hamster: O roedor favorito entre os domésticos

Hamster: O roedor favorito entre os domésticos

Popular, o hamster lidera o ranking de roedores domésticos. Inteligentes e interativos com seus donos, adoram brincadeiras e travessuras. Assim como os outros roedores, é um curioso nato. Vale lembrar a importância de manter o ambiente sempre limpo e livre de utensílios que possam provocar acidentes, o que inclue até mesmo um clipes de escritório (que pode perfurar a patinha ou ser ingerido). Por serem animais de hábitos noturnos, na maior parte do dia estão dormindo. Comem e interagem durante a noite. Dentro da gaiola, pula, brinca e corre, sem dar trabalho para o dono. Além disso, não tem cheiro, não transmite doenças e não fazem barulho. Por essas características, os hamster são os roedores mais procurados do mercado. Em sua idade avançada, chegam a medir 15 centímetros e pesar cerca de 100 gramas. São engraçados e bem dóceis, mas quando ameaçados, podem se tornar agressivos . Para Cristiane Fontolan, que já teve vários animais de estimação, entre os tradicionais - como cachorros, gatos e peixes -, até os exóticos, como cobras e gavião, “ esse tipo de animalzinho é o que dá menos trabalho. Além disso, o Theodor é muito brincalhão e engraçado. Adoro vê-lo comendo com as duas mãozinhas, pegando tudo o que vê, e roendo como um esquilinho.” O hamster vive em média de 2 a 4 anos, se for cuidados de maneira correta. E atenção: nunca dê banho no seu mascote, ele pode pegar pneumonia. Até porque, ele possui o hábito de se lamber e tomar banho sozinho.

Quando Custa

Hamster: De R$10 à R$ 50, de acordo com a raça

Gaiola: De R$ 40 à R$ 100.

Ração: R$ 10 (500gramas – com duração aproximada de uma semana) e R$ 25 (duração de um mês).  

Confira a galeria de fotos dos roedores de internautas: