Publicado 29 de Novembro de 2012 - 11h18

Por Agência Estado

Caetano não preservou o ex-presidente Lula

DIVULGAÇÃO

Caetano não preservou o ex-presidente Lula

O cantor e compositor Caetano Veloso condenou a postura de alguns petistas em relação ao julgamento do mensalão. “Eu não compartilho com a visão de alguns petistas que dizem que isso é um golpe da mídia golpista, acho isso ridículo e desrespeitoso com a população”, disse nesta quarta-feira (28), durante entrevista ao Estado sobre o lançamento de seu novo disco, Abraçaço.

Caetano não preservou o ex-presidente Lula. “Lula, logo que aconteceu (o mensalão) disse que tinha sido traído. Depois, dando a entender que o mensalão era caixa 2, disse que era uma coisa que todo mundo fazia no Brasil e que não tinha nada de mais. Agora está dizendo, ou insuflando as pessoas a dizerem, que se trata de golpe da mídia? Isso é um desrespeito.” As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

Escrito por:

Agência Estado