Publicado 08 de Novembro de 2012 - 20h50

Por Renê Moreira

Uma grande confusão foi registrada na noite desta quarta-feira (7), no Jardim Aeroporto 2, em Franca. Um pedreiro de 45 anos acabou preso após ameaçar a mulher e a filha de 16 anos, que tentou interceder na briga.

O motivo para a violência é que a mulher, de 41 anos, se negou a fazer sexo com ele. O problema é que os dois estão casados há 18 anos, mas há seis meses resolveram continuar juntos, vivendo na mesma casa, só que em camas separadas.

Acontece que o pedreiro diz não ter suportado tanto tempo sem sexo e procurou recentemente uma casa de prostituição. A partir daí, a situação se agravou e a mulher resolveu de uma vez por todas não ir mais para a cama com o marido.

Revoltado, o homem ameaçou matar a mulher e partiu para cima dos policiais militares armado com um machado e um martelo. Porém, ele acabou contido e após ser autuado em flagrante foi parar no CDP (Centro de Detenção Provisória).

Escrito por:

Renê Moreira