Publicado 25 de Novembro de 2012 - 16h12

Uma mulher morreu na queda de uma árvore no sudoeste da Grã-Bretanha, região varrida por fortes ventos e chuvas violentas, informou a polícia neste domingo, enquanto 70 mil residências estão ameaçadas pelas inundações no país.

 

A mulher gravemente ferida pela queda de uma árvore na manhã deste domingo em Exeter, Cornuália, faleceu no hospital. Outras duas pessoas ficaram feridas no mesmo incidente.

 

A agência para o Meio Ambiente informou que 70 mil residências estão ameaçadas pelas inundações no sudoeste da Inglaterra e no País de Gales, e que 500 casas já foram atingidas pelas águas.

 

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, prometeu neste domingo que o Estado ajudará as vítimas das inundações.

 

Fortes chuvas estão previstas para a noite deste domingo e a segunda-feira no sudoeste da Inglaterra e no País de Gales, enquanto as regiões de Cornuália e Devon (sudoeste) são as mais afetadas.