Publicado 23 de Novembro de 2012 - 6h51

Por France Press

Um jornalista da televisão estatal síria foi assassinado na quarta-feira no sul de Damasco, anunciou nesta sexta-feira a agência oficial Sana, que atribuiu o crime a "terroristas", termo utilizado pelo regime de Bashar al-Assad para designar os insurgentes.

 

O Observatório Sírio dos Direito Humanos (OSDH) informou que Basel Tawfiq Yusef foi morto a tiros por rebeldes, que o acusaram de integrar as "shabihas", as milícias civis do regime, no bairro de Tadamun, cenário de violentos combates entre soldados e rebeldes.

 

No total, 14 jornalistas profissionais morreram desde o início do conflito sírio, em março de 2011, além de 38 cidadãos-jornalistas, segundo a ONG Repórteres Sem Fronteiras.

Escrito por:

France Press