Publicado 08 de Novembro de 2012 - 21h06

Por Agência Estado

O argentino Palacio fez dois gols na partida em que a Inter de Milão derrotou o Partizan Belgrado por 3 a 0

Andrej Isakovic/France Press

O argentino Palacio fez dois gols na partida em que a Inter de Milão derrotou o Partizan Belgrado por 3 a 0

Depois de um começo inconstante de temporada, a Inter de Milão chegou nesta quinta-feira (08/11) à sua décima vitória seguida. Jogando pela quarta rodada da fase de grupos da Liga Europa, a equipe italiana visitou o Partizan Belgrado e não tomou conhecimento do time sérvio, vencendo por 3 a 0.

A vitória classifica a Inter de Milão para a segunda fase da Liga Europa. O time dos brasileiros Juan e Jonathan, que foram titulares nesta quinta, tem 10 pontos no Grupo H e não pode mais ser ultrapassado pelo Partizan e pelo Neftci Baku (Azerbaijão), que têm um ponto cada. O resultado também classificou o Rubin Kazan, outro que tem 10 pontos.

Todos os gols da vitória da Inter de Milão saíram no segundo tempo. O argentino Palacio, que entrou no intervalo, marcou os dois primeiros, enquanto o colombiano Guarín fez o terceiro, já quase no fim. O técnico Andrea Stramaccioni poupou titulares, tanto que Milito e Cassano ficaram no banco.

Outro time italiano a se dar bem mesmo com reservas foi a Lazio, que recebeu o Panathinaikos e venceu por 3 a 0. O checo Kozák marcou duas vezes e o italiano Floccari fechou a contagem. Pelo mesmo Grupo J, o Tottenham recebeu o Maribor e venceu por 3 a 1, com três gols de Defoe. A Lazio lidera com nove pontos, enquanto os ingleses aparecem em segundo, com seis, depois da primeira vitória.

VICE-CAMPEÃO SE COMPLICA - Sensação da Liga Europa na temporada passada, o Athletic Bilbao perdeu em casa para o Lyon, por 3 a 2 nesta quinta-feira e ficou muito perto de ser eliminado. O time basco é o lanterna do Grupo I, com apenas um ponto, enquanto os franceses, com 12 pontos e 100% de aproveitamento, já estão classificados.

Para sonhar com a classificação, o Bilbao tem que vencer seus dois últimos jogos, torcer para que o Sparta Praga perca do Lyon daqui a duas semanas e, na rodada final, precisa de um placar melhor que 3 a 1 sobre o time checo, uma vez que ambos empatariam em pontos e o primeiro critério de desempate é o somatório dos confrontos diretos.

OUTROS JOGOS - Quem também se complicou na Liga Europa foi o Sporting. O time português, favorito do Grupo G, empatou em casa com o Genk, por 1 a 1, e segue sem vencer, com dois pontos, a seis do líder, exatamente o time belga. O Basel, da Suíça, venceu o Videoton, da Hungria, por 1 a 0, e foi a cinco pontos, contra seis do rival húngaro.

O Grupo L já tem o Hannover classificado depois que o time alemão venceu Helsingborg, da Suécia, por 3 a 2, nesta quinta. O gol decisivo foi feito por Huszti, de pênalti, aos 46 minutos do segundo tempo. O Levante podia ter se garantido também na próxima fase, mas ficou no 0 a 0 com o Twente e manteve em quatro pontos a folga sobre o time holandês.

Por fim, no Grupo K os dois classificados já são conhecidos. Um é o Bayer Leverkusen, que venceu o Rapid Viena por 3 a 0 nesta quinta - desejado por Corinthians e Santos, Renato Augusto ficou no banco. O Metalist, da Ucrânia, é o outro que avança depois de vencer, também por 3 a 0, o Rosenborg, da Noruega. Os brasileiros Taison e Cleiton Xavier marcaram um gol cada. Fininho, Marlos e Willian também jogaram

Escrito por:

Agência Estado