Publicado 29 de Novembro de 2012 - 14h04

Por Agência Estado

Arouca destacou o fato de que o Santos conquistou, pelo terceiro ano seguido, dois títulos em uma só temporada

Divulgação

Arouca destacou o fato de que o Santos conquistou, pelo terceiro ano seguido, dois títulos em uma só temporada

Depois de treinar com o elenco do Santos na manhã desta quinta-feira (29/11), visando o clássico deste sábado (01/12), contra o Palmeiras, na Vila Belmiro, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, o volante Arouca deu entrevista coletiva no CT Rei Pelé, onde fez um balanço sobre a temporada vivida pela equipe santista e comentou principalmente o fato de que a seleção brasileira agora passou a ser dirigida por Luiz Felipe Scolari.

Ao ser questionado se foi surpreendido com o fim da era Mano Menezes na seleção, o jogador admitiu que sim, pois dois dias antes da demissão, selada na última sexta-feira (23/11), o volante esteve sob o comando do ex-treinador da seleção no jogo em que o Brasil conquistou, nos pênaltis, em Buenos Aires, o título do Superclássico das Américas diante da Argentina.

"Sobre a saída de Mano não surpreendeu só a mim. Pegou de surpresa a todos, ainda mais vindo de um título contra a Argentina, mas o presidente (da CBF, José Maria Marin) sabe o que faz e não temos porque nos metermos neste assunto", disse Arouca, que ao mesmo tempo elogiou a escolha do novo técnico da seleção.

"Nunca parei para conversar com o professor (Felipão), mas com certeza ele tem seus méritos, e inclusive foi campeão do mundo. Espero fazer um belo trabalho no Santos e continuar tendo uma boa sequência para receber oportunidades com ele na seleção", projetou Arouca, que vinha sendo o segundo atleta mais regular do Santos sob o comando de Mano Menezes na equipe nacional, ficando atrás apenas de Neymar.

Já ao falar mais especificamente sobre o Santos, Arouca destacou o fato de que o time conquistou, pelo terceiro ano seguido, dois títulos em uma só temporada. Desta vez a equipe festejou o tricampeonato paulista e levantou a taça da Recopa Sul-Americana. "Foi mais um ano vitorioso para a equipe. Como nos dois anos anteriores, o Santos conquistou dois títulos. Nunca ficamos satisfeitos porque queríamos mais, conquistando de novo a Libertadores, e o Brasileiro, que é um título que esse elenco ainda não tem. Esperamos no sábado encerrar bem a temporada para voltarmos confiantes em 2013", completou.

Escrito por:

Agência Estado