Publicado 28 de Novembro de 2012 - 17h37

Por Agência Estado

O problema de saúde de Luis Alvaro não foi revelado pelo Santos

Divulgação

O problema de saúde de Luis Alvaro não foi revelado pelo Santos

O Santos confirmou nesta quarta-feira (28/11), por meio de nota em seu site oficial, que Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro ficará afastado da presidência do clube por cerca de 60 dias por causa de uma licença médica. O dirigente não irá desempenhar as funções do cargo neste período, após seus médicos recomendarem descanso para que ele possa se recuperar plenamente a sua saúde.

A nota oficial distribuída pelo Santos, porém, ressaltou que Luis Alvaro "acompanhará e participará das decisões importantes do Santos de sua residência, em São Paulo", mesmo estando distante da Vila Belmiro.

O clube ainda informou que o vice-presidente santista, Odílio Rodrigues, irá assumir interinamente as funções de Luis Alvaro nos próximos 60 dias. Com o dirigente no comando neste período, o Santos fará o último jogo da atual temporada neste sábado (01/12), quando enfrentará o Palmeiras, na Vila Belmiro, pela rodada final do Campeonato Brasileiro.

O problema de saúde de Luis Alvaro não foi revelado pelo Santos nesta quarta-feira, mas no mês passado, o dirigente chegou a ficar cinco dias internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, para ser submetido a uma bateria de exames.

Escrito por:

Agência Estado