Publicado 27 de Novembro de 2012 - 20h44

Por Agência Estado

Zinho quer três ou quatro nomes que causem repercussão para reforçar o Flamengo em 2013. Durante passagem pela feira de negócios Soccerex, no Rio, o diretor de futebol rubro-negro descartou fazer novas apostas em jogadores pouco conhecidos e disse que pretende buscar homens que ajudem o time de imediato.

 

"Nos últimos seis meses fizemos algumas apostas. O Amaral, o Wellington Silva, o Hernane e o Wellington Bruno, que ainda terá sua situação definida. Agora queremos reforços com nome, jogadores com passagens pela seleção ou que ainda almejem a seleção. Jogadores 'top', que venham para fazer a diferença", disse Zinho.

 

"Não vou falar em nomes. Até porque isso passa pela eleição (presidencial do clube, em 3 de dezembro). Mas estamos nos movimentando para ganhar tempo. Tem que ser o melhor que o Flamengo encontre no mercado, já que não há fartura", destacou.

 

Apesar da indefinição sobre sua permanência no clube - Zinho tem contrato até o fim do ano -, o dirigente já iniciou o planejamento com o técnico Dorival Júnior, que quer fechar o grupo principal com 28 nomes.

 

"Tenho contrato até o dia 31 de dezembro e vou seguir trabalhando, dando o meu melhor para o clube. É claro que quem vencer a eleição tem todo o direito de mudar o futebol e o planejamento. Mas não podemos perder tempo. Em relação ao próximo ano, já temos quase tudo definido, só faltam os reforços."

Escrito por:

Agência Estado