Publicado 27 de Novembro de 2012 - 20h31

Por Agência Estado

O Corinthians não vai poder contar com um importante reserva no Mundial de Clubes do Japão. Nesta terça-feira (27/11), a Fifa respondeu negativamente ao pedido do clube para inscrever na competição o volante Guilherme, que constava na lista de 23 jogadores divulgada na segunda-feira (26/11) pelo técnico Tite.

A alegação da Fifa é que Guilherme foi contratado pelo Corinthians junto à Portuguesa fora da janela de transferências internacionais. Depois de uma longa novela, o jogador teve seu contrato registrado pelo clube alvinegro em 15 de agosto, enquanto a janela brasileira se fechou no dia 20 de julho.

O Corinthians argumentava que contratou Guilherme de um clube nacional e que cumpriu as exigências feitas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), tanto que o jogador participa do Campeonato Brasileiro. Mas a Fifa não se convenceu e barrou a inscrição do volante.

Sem Guilherme, o Corinthians inscreveu Willian Arão no Mundial. O jogador, que chegou vindo das categorias do São Paulo no início da temporada, atuou em oito partidas do Brasileirão - seis delas enquanto os titulares jogavam a Libertadores. Para a posição, Tite também terá, no Japão, Ralf, Paulinho e Edenilson, além de Anderson Polga, que pode atuar improvisado.

Escrito por:

Agência Estado