Publicado 23 de Novembro de 2012 - 19h41

Por Agência Estado

Avisado por telefone, por Andrés Sanchez, de sua demissão, Mano Menezes usou a sua conta oficial no Twitter para se manifestar sobre a saída da seleção. Em mensagem curta, o treinador agradeceu os que o apoiaram em seu trabalho à frente do time brasileiro e disse que estará na torcida pela equipe na Copa do Mundo de 2014.

 

"Como foi anunciado, não sou mais o técnico da Seleção Brasileira. Fica aqui o meu agradecimento a todos que trabalharam comigo nesse projeto, em especial aos jogadores convocados nesse período, e a todos aqueles que acreditaram no nosso trabalho. Desejo, desde já, sucesso à Seleção Brasileira na conquista do sonho maior da nossa torcida que é o título do hexacampeonato de 2014", escreveu ele.

 

Curiosamente, a última mensagem postada por Mano Menezes mostrava um ponto de vista muito diferente da opinião de José Maria Marin, presidente da CBF, que optou pela demissão do treinador nesta sexta (23).

 

Na madrugada de quinta-feira, logo depois do título do Superclássico das Américas, Mano escreveu apontando evolução da sua equipe. "Crescemos. O torcedor começou a identificar esse comportamento na Seleção. É isso que a gente leva desse ano de 2012", havia postado ele.

 

Ainda não houve tempo para o treinador mudar o seu perfil no Twitter. Na sua foto, o símbolo e os patrocinadores da CBF aparecem atrás dele. No fundo de página, a apresentação: "Desde julho de 2010, conduzindo o sonho de 190 milhões de corações verde-amarelos". A passagem de Mano pela Seleção, porém, agora chega ao fim.

Escrito por:

Agência Estado