Publicado 05 de Novembro de 2012 - 9h47

Por Agência Estado

Luis Fabiano (à esq.), disputa lance com Leandro Eusébio: tudo igual no Morumbi

VIPCOMM

Luis Fabiano (à esq.), disputa lance com Leandro Eusébio: tudo igual no Morumbi

No duelo dos artilheiros Luis Fabiano e Fred, em que cada um marcou o seu, São Paulo e Fluminense empataram por 1 a 1, neste domingo (04/11), no estádio do Morumbi, em São Paulo, pela 34.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Líder da competição, agora com 73 pontos, o time carioca segue dependendo de suas forças para conquistar o título - bastam mais três vitórias em quatro jogos.

Ao São Paulo, o empate em casa o faz chegar aos 59 pontos, na quarta colocação, muito perto de conseguir a classificação à próxima edição da Copa Libertadores. Outra oportunidade do clube tricolor paulista é na Copa Sul-Americana, em que está nas quartas de final e já venceu o jogo de ida contra a Universidad de Chile por 2 a 0, em Santiago - a volta será nesta quarta-feira (07/11), no Pacaembu.

Pelo Brasileirão, o São Paulo volta a jogar no próximo domingo (11/07), às 17 horas, contra o Grêmio, no estádio Olímpico, em Porto Alegre. O Fluminense entra em campo no mesmo dia e horário contra o desesperado Palmeiras, no estádio Eduardo José Farah, em Presidente Prudente (SP).

O JOGO - Com duas equipes com grandes aspirações no Brasileirão, a partida começou muito truncada por causa da forte marcação. O que se viu nos primeiros minutos foram muitas faltas e pouca criatividade dos ataques. Tanto que o que de melhor aconteceu no primeiro tempo foi uma cabeçada de Gum por cima do gol, aos 14 minutos, e um chute de Luis Fabiano à esquerda de Diego Cavalieri, aos 32.

As emoções do duelo ficaram mesmo para segunda etapa. E logo aos 4 minutos o São Paulo abriu o placar. Em uma falha grotesca de Gum, que tocou fraco na recuada para Diego Cavalieri, Luis Fabiano pegou a bola dentro da área, driblou o goleiro do Fluminense e tocou para o gol vazio para marcar o seu 16.º gol neste Brasileirão, a esta altura empatado com Fred.

Em desvantagem no placar, o técnico Abel Braga colocou em campo o atacante Samuel no lugar do ineficiente Rafael Sóbis e, assim, o Fluminense cresceu na partida. Criou boas chances com Fred e Wellington Nem e conseguiu o empate, aos 22 minutos, em outra falha grotesca, desta vez do são-paulino Rafael Toloi. O zagueiro tentou proteger a saída de bola na linha de fundo, mas permitiu que Samuel a roubasse e tocasse para o meio da área, onde Fred só teve o trabalho de tocar para o gol e desempatar o duelo pela artilharia do campeonato.

Nos minutos seguintes ao gol do Fluminense, o jogo continuou movimentado com as equipes em busca do desempate. A chance mais clara foi do time carioca, aos 30 minutos, quando Gum chutou cruzado para o gol e Rogério Ceni conseguiu espalmar com a ponta dos dedos para escanteio.

Depois disso, o Fluminense resolveu se fechar mais, satisfeito com ponto obtido no Morumbi, e conseguiu neutralizar o ataque do São Paulo, que segue na luta pela classificação à Copa Libertadores.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO 1 x 1 FLUMINENSE

SÃO PAULO - Rogério Ceni; Douglas, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Wellington, Denilson e Jadson (William José); Lucas, Osvaldo (Ademilson) e Luis Fabiano. Técnico: Ney Franco.

FLUMINENSE - Diego Cavalieri; Bruno, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Jean e Thiago Neves (Higor); Rafael Sóbis (Samuel), Wellington Nem (Diguinho) e Fred. Técnico: Abel Braga.

GOLS - Luis Fabiano, aos 4, e Fred, aos 22 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Wellington e Luis Fabiano (São Paulo); Gum (Fluminense).

ÁRBITRO - Heber Roberto Lopes (Fifa/PR).

RENDA - R$ 1.524.484,00.

PÚBLICO - 54.118 pessoas.

LOCAL - Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP).

Escrito por:

Agência Estado