Publicado 11/07/2019 - 08h01 - Atualizado 11/07/2019 - 08h01

Por AFP


Estados Unidos e Grã-Bretanha "lamentarão amargamente" a recente captura de um petroleiro iraniano na costa de Gibraltar, advertiu nesta quinta-feira um dos comandantes da Guarda Revolucionária, o exército ideológico da República Islâmica.

"Se o inimigo tivesse avaliado um pouco, não teria feito isto", declarou o almirante Ali Fadavi, comandante das forças navais da Guarda Revolucionária, ao comentar a captura, em 4 de julho, do navio "Grace 1" na costas do território britânico de Gibraltar, no extremo sul da Espanha.

kas/feb/gk/bc/pc/fp

Escrito por:

AFP