Publicado 11/07/2019 - 11h38 - Atualizado 11/07/2019 - 11h38

Por Paulo Santana

Destaque da Seleção Sub-23 que conquistou o Torneio de Toulon, na França, Ivan diz desconhecer negociação com empresário ligado ao Corinthians

Divulgação

Destaque da Seleção Sub-23 que conquistou o Torneio de Toulon, na França, Ivan diz desconhecer negociação com empresário ligado ao Corinthians

Com apenas uma mudança em relação ao time que venceu o Londrina, de virada, antes da parada para a Copa América, a Ponte Preta já está definida para o duelo com o Oeste, amanhã, às 21h30, no Estádio Moisés Lucarelli, pela nona rodada da Série B do Brasileiro. O goleiro Ivan, que na ocasião estava a serviço da Seleção Brasileira Sub-23 no Torneio de Toulon, será a novidade.
Uma das maiores revelações da Macaca nos últimos anos, Ivan está otimista em relação ao time, invicto há sete jogos. "Estávamos em uma crescente boa e por tudo que apresentamos até o momento vamos lutar para seguir no G4. Temos dois jogos seguidos em casa (amanhã e na semana seguinte contra o Atlético-GO) e a intenção é manter a boa fase, com o foco principal de conquistar o acesso", disse.
Nos bastidores, comenta-se que parte do atestado liberatório do goleiro já teria sido vendido ao empresário Fernando Garcia, que tem raízes no Corinthians. Isso, inclusive, teria acontecido antes mesmo de o goleiro brilhar na França. A diretoria nega e o goleiro afirma desconhecer qualquer negociação. "Como sempre falei, apareceram sondagens. Mas nada de oficial chegou para mim", disse Ivan.
Ajustes finais
O lateral Arnaldo disse ontem que o técnico Jorginho vem melhorando o que tinha de bom e aproveitou a parada para consertar eventuais erros. "Nossa equipe está focada e sabe o que quer. Vamos manter um time organizado e dar sequência ao bom momento que estávamos vivendo", avisa.
O meia Gerson Magrão ressalta a forte marcação do Oeste como ponto a ser superado no jogo de amanhã. "Por estarmos jogando em casa, temos que propor o jogo. Impor e colocar nossa maneira de jogar. É preciso ter a responsabilidade de vencer e encurralar a equipe do Oeste", disse.
Jorginho ressalta que a Macaca tem dois jogos seguidos em casa para se firmar de vez entre os quatro melhores. "A sequência de partidas, principalmente com um bom resultado logo no primeiro jogo, será fundamental para nossas pretensões. Alguns vão desgarrar e é importante estarmos neste grupo", comentou.
Com 15 pontos, a Macaca entrará em campo na quinta colocação porque o Sport empatou com o São Bento na terça-feira e chegou a 16. Mas, se vencer, o time campineiro dormirá na vice-liderança porque Botafogo e Londrina, 2º e 3º, respectivamente, jogam só no dia seguinte.
A Macaca deve entrar em campo com Ivan; Arnaldo, Renan Fonseca, Aírton e Abner; Edson, Camilo, Gerson Magrão e Matheus Vargas; Marquinhos e Roger.

Escrito por:

Paulo Santana