Publicado 07/07/2019 - 14h37 - Atualizado 07/07/2019 - 14h37

Por Da TV Press

Imersão no mundo do boxe levou ator a adaptar a academia de sua casa

Divulgação/Globo

Imersão no mundo do boxe levou ator a adaptar a academia de sua casa

Caio Castro pode até afirmar que não sentiu a menor diferença, muito menos pressão, ao completar 30 anos. Mas é nítido o quanto o ator amadureceu desde que estreou, quase de paraquedas, na temporada de 2007 de Malhação. Seguro de si e consciente de seus desejos, ele é capaz de se perder no tempo ao falar sobre seu atual personagem, o Rock de A Dona do Pedaço.
E transmite tranquilidade para tratar de qualquer assunto e expor suas opiniões. Pela segunda vez interpretando um texto de Walcyr Carrasco - a primeira foi em Amor À Vida -, Caio, inclusive, destaca a facilidade de trabalhar com o texto do autor. “É um texto que sempre nos dá mais segurança nas incertezas. É muito bem escrito, bem pensado e se encaixa na embocadura do ator”, descreve.
De certa forma, Rock se aproxima de Caio. Isso porque o personagem é lutador de boxe e o ator tem uma relação intensa com as artes marciais: é faixa preta de judô e faixa azul de jiu-jítsu. Mesmo assim, foi preciso uma intensa preparação para que ele incorporasse as motivações de seu personagem e compreendesse melhor a realidade em que Rock está inserido.
O caminho foi ir atrás de suas próprias referências no que diz respeito ao boxe. Na infância, Caio se acostumou a ver seus pais assistindo às lutas de Mike Tyson. Por isso, logo pensou em ir atrás do famoso lutador. “Liguei para o meu agente lá fora e expliquei que queria um encontro com Tyson para absorver um pouco da experiência dele”, conta.
Focado no personagem, Caio embarcou para Los Angeles (EUA). Lá, treinou com pessoas que treinaram com Mike Tyson e em locais frequentados pelo lutador. No último dia por lá, teve a oportunidade de conhecê-lo pessoalmente. Durante o bate-papo, Caio explicou o que fazia ali e perguntou a Tyson o que passava por sua cabeça quando se deparava com algum oponente no ringue. “E ele categoricamente me respondeu: “eu acredito que vou matar aquele cara”. Claro que eu não vou matar ninguém, mas tento levar essa maneira que ele encarava os desafios para minhas cenas.”
A imersão no mundo do boxe tem sido tanta que Caio adaptou a academia que possui em casa para treinar o esporte diariamente. Ele confessa que, às vezes, sente preguiça ou está com sono. Mas, mesmo assim, treina. “Estou vivendo isso dentro e fora da tevê. Levo uma rotina de um atleta para me sentir como um.” Ao longo do processo, o ator se deparou com algumas dificuldades para aprender boxe. Afinal, a técnica é diferente de todas as lutas que ele já conhecia.
Na novela, Rock tem um envolvimento amoroso com Fabiana, personagem de Nathalia Dill. Os dois, aliás, trabalharam juntos em Malhação e o reencontro em cena não poderia ser melhor. “Engraçado que, quando a gente começou a gravar, tive a sensação de ter visto a Nathalia uma semana antes. Mesmo depois de tanto tempo, parece que nada mudou.”
Mas há especulações deque Rock irá se relacionar com Agno, interpretado por Malvino Salvador. Caso o casal seja formado, a chance de os atores protagonizem mais um beijo gay na televisão é grande e é algo que Caio encara com toda a tranquilidade do mundo. “Se faz sentido para a história, acho mais do que necessário”, opina ele, que prefere não levantar bandeiras em seu trabalho.
O que o ator quer mesmo é levar entretenimento para as pessoas que o assistem de casa. “Eu não vejo o meu trabalho como um exemplo a ser seguido em vida. A última coisa que eu quero fazer é entrar em discussão de algum assunto. Estou aqui para contar uma história”, frisa.

Escrito por:

Da TV Press