Publicado 12/06/2019 - 05h32 - Atualizado 12/06/2019 - 05h32

Por AFP


A defesa antiaérea síria disparou na madrugada desta quarta-feira diante de uma "agressão israelense" e abateu "vários mísseis" lançados contra o sul do país, informou a agência oficial Sana.O ataque ocorreu por volta das 02H00 local, contra o setor de Tall al Hara, não muito distante das Colinas de Golã, revelou a agência.Segundo as primeiras informações, o bombardeio causou "danos materiais" mas não houve "perdas humanas."As baterias de defesa antiaérea do Exército sírio confrontaram uma agressão israelense realizada com mísseis contra Tall Al Hara, na região sul, e um certo número foi abatido", destacou a Sana. De acordo com a agência, Israel também empregou uma "guerra eletrônica" para "interferir nos radares" sírios.Desde o início da guerra civil na Síria, em 2011, Israel tem bombardeado várias posições militares do regime de Bashar Al Assad e de seus aliados, Irã e o Hezbollah. Os últimos bombardeios israelenses ocorreram no início de junho, contra várias posições das forças leais ao regime de Assad, e mataram 15 combatentes, segundo a ONG Observatório Sírio para os Direitos Humanos (OSDH).Em maio, um míssil israelense atingiu a província de Quneitra (sul) e matou um soldado sírio. Em janeiro, Israel bombardeou posições iranianas na Síria deixando 21 mortos, segundo o OSDH. A guerra civil na Síria já causou mais de 370 mil mortos e milhões de deslocados e refugiados.bur/lr

Escrito por:

AFP