Publicado 11/06/2019 - 16h30 - Atualizado 11/06/2019 - 16h30

Por AFP


O português Paulo Fonseca, que dirigia havia três anos o Shakhtar Donetsk, foi nomeado neste terça-feira treinador da Roma, anunciou o clube italiano em um comunicado.A Roma, semifinalista da Liga dos Campeões em 2018, vem de uma última temporada caótica na qual acabou despedindo em março o técnico Eusebio Di Francesco.O italiano Claudio Ranieri chegou para os últimos jogos da temporada mas seu contrato era de três meses e ele anunciou rapidamente que não pretendia prolongar sua permanência.Depois de sugerir os nomes de Antonio Conte, que acabou assinando com a Inter de Milão, e de Gian Piero Gasperini, que renovou com o Atalanta, o clube da capital acabou optando por Fonseca.O português, de 46 anos, comandou o Porto e o Sporting de Braga em seu país antes de se transferir para a Ucrânia para dirigir o Shakhtar. Com a equipe de Donetsk conquistou três títulos de campeão e três Copas nacionais."Estou entusiasmado e motivado para esse desafio que nos espera e estou impaciente para me instalar em Roma, conhecer nossos 'tifosi' e começar a trabalhar. Creio que juntos poderemos fazer algo especial", declarou Fonseca no comunicado de sua nova equipe.Sua missão na capital da Itália será de reconstruir uma equipe que não se classificou para a próxima edição da 'Champions'. A Roma, que vai estrear na Liga Europa na segunda rodada prévia, precisa fazer caixa e alguns jogadores importantes como Edin Dzeko, Aleksandar Kolarov e Kostas Manolas poderão deixar o clube no verão europeu.stt/dhe/gh/aam

Escrito por:

AFP