Publicado 11/06/2019 - 06h29 - Atualizado 11/06/2019 - 06h29

Por AFP


O Parlamento do Canadá aprovou na segunda-feira uma lei que proíbe a captura e criação de cetáceos como baleias e golfinhos, uma decisão elogiadas por ativistas da defesa dos animais.A lei, apresentada pela primeira vez em 2015 e que agora precisa apenas de uma aprovação real simbólica, não será retroativa, o que significa que os animais em cativeiro permanecerão confinados.E inclui exceções para mamíferos marinhos que precisam de reabilitação após um ferimento ou para outros casos autorizados pelas autoridades."É uma lei muito importante porque proíbe a criação, o que garante que as baleias e golfinhos que estão atualmente retidos em pequenos tanques no Canadá são a última geração a sofrer", declarou Melissa Matlow, diretora de campanhas da World Animal Protection Canada.A porta-voz do Grupo de Defesa dos Animais, Nina Devries, afirmou que o Canadá se une a uma dezena de países, incluindo Chile e Costa Rica, "que adotaram uma postura progressista contra a prisão e criação de baleias, golfinhos e botos para entretenimento".Os parques aquáticos com baleias e golfinhos como atrações foram alvos de campanhas de repúdio nos últimos anos.Marineland nas Cataratas do Niágara e o Aquário de Vancouver são as únicas instalações no Canadá com cetáceos em cativeiro.jbe/et/cs/wd/rsr/fp

Escrito por:

AFP