Publicado 09/06/2019 - 19h59 - Atualizado 09/06/2019 - 19h59

Por AFP


Apesar de jogar sem Neymar, o Brasil arrasou Honduras com uma goleada de 7 a 0 no amistoso deste domingo em Porto Alegre, no estádio Beira Rio, passando assim por seu último teste com grande facilidade antes de sua estreia na Copa América no dia 14 de junho diante da Bolívia.A seleção brasileira começou cedo a goleada por meio de Gabriel Jesus logo aos 6 minutos, um gol que primeiro foi anulado e depois foi dado como válido com o auxílio da vídeo-arbitragem. Sete minutos depois veio o segundo gol em uma cabeçada de Thiago Silva.Honduras não conseguiu reagir e acabou cedendo ao jogo violento, o que lhe custou um pênalti quando Izaguirre deu um pisão em Richarlison. O meia Philippe Coutinho cobrou bem aos 37 e ampliou.Nos últimos cinco minutos da primeira etapa, os brasileiros praticamente ficaram estacionados na área hondurenha. O goleiro Lopez salvou um chute de Coutinho que depois mandou uma bola na trave direita. Até então quase não havia sido notada a presença de David Neres que precisava mostrar a Tite que merecia ser o substituto de Neymar, afastado da Copa América após sofrer uma lesão no tornozelo direito no amistoso contra o Catar na quarta-feira. Mas o atacante do Ajax só ia aparecer mesmo no segundo tempo.- Neres marca e se mostra confiante -Após o intervalo, os jogadores comandados por Tite voltaram querendo mais gols e mostraram que o escândalo que estourou após a acusação de estupro contra Neymar não tirou a concentração da equipe nem a eficiência: Gabriel Jesus voltou a balançar as redes aos 46, David Neres conseguiu fazer seu primeiro gol com a seleção (56) e Firmino também deixou o seu (64). Richarlison fechou a goleada aos 25, depois de ter dado várias assistências decisivas.Neres, que jogou na posição de Neymar, na ponta esquerda, se disse tranquilo por seu desempenho e pelo voto de confiança de Tite. Antes da partida "ele me deixou muito tranquilo, praticamente não conversamos. Ele me colocou durante o treino na equipe titular e me disse que eu fizesse o que sei fazer no meu clube e que tudo ia dar certo".No sábado, Tite descartou que Neres seria o substituto definitivo de Neymar. "Não tem definição. O campo fala. (...) A equipe é organismo vivo", afirmou em uma coletiva de imprensa em Porto Alegre.Perguntado sobre como está a seleção sem Neymar para a Copa América, Gabriel Jesus respondeu: "Estamos bem, com confiança, porque jogamos muito bem os dois amistosos, conseguimos impor nosso jogo, todos jogam muito bem, acho que dá confiança", disse aos jornalistas do Sport TV após o amistoso deste domingo.A seleção fechou assim com chave de ouro a preparação para a Copa América e está pronta para o duelo contra a Bolívia em São Paulo no dia 14 de junho.val/aam

Escrito por:

AFP