Publicado 10/06/2019 - 16h34 - Atualizado 10/06/2019 - 16h35

Por AFP

Para oferecer o serviço móvel ultrarrápido, a empresa usará uma reda provida pela fabricante sueco Ericsson e pela Huawei, informou à AFP um porta-voz da Vodafone

AFP

Para oferecer o serviço móvel ultrarrápido, a empresa usará uma reda provida pela fabricante sueco Ericsson e pela Huawei, informou à AFP um porta-voz da Vodafone

O gigante britânico das telecomunicações Vodafone anunciou nesta segunda-feira que será a primeira operadora de 5G na Espanha, um serviço que oferecerá a partir de sábado usando uma rede oferecida em parte parte pela Huawei, fabricante chinesa envolvida em recente polêmica.
"A Espanha estará na vanguarda na implantação do 5G na Europa. Começamos em 15 cidades e chegaremos a mais", anunciou durante uma apresentação em Madri António Coimbra, CEO da Vodafone Espanha.
Para oferecer o serviço móvel ultrarrápido, a empresa usará uma reda provida pela fabricante sueco Ericsson e pela Huawei, informou à AFP um porta-voz da Vodafone.
Entretanto, a empresa não comercializará por enquanto nenhum smartphone 5G da Huawei, depois que a Vodafone anunciou ue suspenderia globalmente a compra de terminais da empresa chinesa objeto de uma polêmica por acusações de espionagem por parte de Washington.
Os Estados europeus não assumiram até agora uma posição de consenso sobre os equipamentos Huawei, líder mundial no desenvolvimento do 5G, mas que enfrenta pedidos dos Estados Unidos a outros países para boicotá-la.

Escrito por:

AFP