Publicado 08/05/2019 - 17h24 - Atualizado 08/05/2019 - 17h28

Por Estadão Conteúdo

O presidente da República, Jair Bolsonaro, trocou o diretor da Abin

Wilson Dias/Agência Brasil

O presidente da República, Jair Bolsonaro, trocou o diretor da Abin

O presidente Jair Bolsonaro determinou uma troca no comando da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). O atual diretor-geral, Janér Tesch Hosken Alvarenga, é oficial de inteligência e servidor de carreira. O substituto será o delegado da Polícia Federal Alexandre Ramagem Rodrigues, que atuou na segurança do presidente na campanha de 2018 e atualmente é assessor especial do ministro Santos Cruz, na Secretaria de Governo.
Questionado na tarde desta quarta-feira, 8, Bolsonaro determinou ao ministro do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno, que explicasse a troca. Heleno afirmou que não há traumas na substituição e que ainda não sabe quando haverá a oficialização.
"Nós vemos uma troca sem traumas não há nada contra o atual diretor da Abin. Troca feita por orientação do presidente, buscando uma nova situação para inteligência", disse Heleno. O ministro afirmou que busca outro perfil do setor de inteligência para comandar a Abin, buscando mais integração e velocidade na troca de informações.

Escrito por:

Estadão Conteúdo