Publicado 07/05/2019 - 11h11 - Atualizado 07/05/2019 - 11h11

Por Carlos Rodrigues

Eutrópio admite que os laterais testados na direita não jogaram bem

Letícia Martins/Guarani FC

Eutrópio admite que os laterais testados na direita não jogaram bem

Vinícius Eutrópio fugiu do habitual ontem. Tradicionalmente escalado para as entrevistas coletivas apenas nas vésperas dos jogos, o técnico do Guarani resolveu falar com a imprensa uma semana antes do próximo compromisso do time. Em pauta, a preparação da equipe para a partida contra o Vitória, na segunda-feira da semana que vem, e as alternativas do treinador para montar o Bugre em busca da primeira vitória na Série B do Brasileiro.
No sábado, Eutrópio observou os reservas em jogo-treino contra a Itapirense e aprovou o que viu da vitória por 3 a 0 na atividade.
“O amistoso é importante porque contamos com todo nosso grupo à disposição e é importante que a gente dê ritmo e condição de jogo a esses atletas”, explicou o comandante. “Além de dar ritmo, aproveitamos para fazer alguns testes já pensando no jogo do Vitória”.
Um dos que participaram do jogo-treino e tem presença quase certa no confronto de segunda-feira é Lenon. Embora tenha sido observado no meio-campo durante alguns treinamentos, ele vai ganhar chances na contestada lateral-direita, em que Léo Príncipe e Bruno Lima não renderam o esperado.
“O Lenon treinou no meio porque eu realmente queria mais uma opção com característica semelhante ao do Ricardinho”, justificou Eutrópio. “Mas não sou de tapar o sol com a peneira. As atuações dos laterais não foram das melhores e, a meu ver, o Lenon é o jogador que tem mais equilíbrio, é mais coeso nas atuações. Vamos testar e ele tem grande chance de começar jogando”.
Quem não deve mais ser aproveitado realmente é Anselmo Ramon. O atacante não participou do treinamento ontem e negocia a rescisão do contrato antes do término do vínculo, que acontece no dia 30 de junho. A diretoria bugrina não se pronunciou oficialmente ainda sobre a situação, mas internamente já vê a saída do atacante, que interessa ao Vitória, como praticamente certa.
Ingressos
O Guarani divulgou o esquema de ingressos para a partida com o Vitória. O clube reduziu o preço, cobrará R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) para as vitalícias e o tobogã inferior, e R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia) para a cabeceira do portão de entrada. Além disso, numa parceria com a Stop Hunger Brasil, o Bugre cobrará meia-entrada dos torcedores que doarem um quilo de alimento não-perecível.

Escrito por:

Carlos Rodrigues