Publicado 10/05/2019 - 07h51 - Atualizado 10/05/2019 - 07h51

Por Alenita Ramirez

O caminhão-cegonha carregado com 11 carros 0km tinha sido roubado em São Gonçalo do Sapucaí

Cedoc/RAC

O caminhão-cegonha carregado com 11 carros 0km tinha sido roubado em São Gonçalo do Sapucaí

A Polícia Civil de Paulínia recuperou na noite de quarta-feira uma cegonha carregada com 11 carros 0km da Fiat, que tinha sido roubada na madrugada do mesmo dia, em São Gonçalo do Sapucaí, a cerca de 270 km. A carga tinha saído da fábrica, em Betim, e seguiria para São Bernardo do Campo. Ninguém foi preso.
Os investigadores chegaram à carreta após serem informados de que uma cegonha teria sido abandona na Rua José da Costa, no bairro Santa Terezinha, região da Replan.
Os policiais seguiram até o endereço e constataram que a carreta era produto de roubo. Foi feito contato com uma transportadora responsável pelo carreto e representantes confirmaram o crime.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Betim, a carga foi roubada no pátio de um posto de combustível localizado na BR 381, em São Gonçalo do Sapucaí, região de Pouso Alegre. O motorista havia parado no local para descansar. O assalto foi por volta das 3h da madrugada. Três homens armados renderam a vítima e depois a levaram para um cativeiro, em um barranco, a cerca de 35 km de onde foi abordada. O caminhoneiro foi mantido refém, por dois bandidos, por cerca de 6h e depois liberado, sem a carreta.
Além da carreta com a carga, os criminosos ainda levaram celular e documentos do motorista. A polícia acredita que a carreta foi deixada no local para "esfriar". O delegado titular de Paulínia, Rodrigo Luis Galazzo, disse apenas que o caso está sendo investigado.

Escrito por:

Alenita Ramirez