Publicado 27/04/2019 - 12h54 - Atualizado 27/04/2019 - 12h54

Por Estadão Conteúdo

Durant foi destaque na vitória do Warriors

Harry How / AFP

Durant foi destaque na vitória do Warriors

Liderado pelo astro Kevin Durant, que teve atuação histórica, o Golden State Warriors venceu com autoridade o Los Angeles Clippers na casa do rival por 129 a 110, e, enfim, fechou a série em 4 a 2 para avançar às semifinais dos playoffs da NBA, em que vai enfrentar o Houston Rockets.
O primeiro jogo da semifinal da Conferência Oeste da NBA contra o Houston Hockets, de James Harden, será já neste domingo, às 16h30 (de Brasília). Milwaukee Bucks e Boston Celtics e duelam na outra semifinal.
Depois de duas derrotas em casa para os Clippers, os Warriors finalmente acordaram e deram a resposta de que se esperava para encerrar a série e voltar a encontrar os Rockets dos astros James Harden e Chris Paul, contra os quais Curry, Durant e companhia levaram a melhor na final da temporada anterior.
Durant teve atuação sublime e foi mais do que fundamental para o triunfo. O astro, que vira agente livre ao fim da temporada, fechou o primeiro tempo com incríveis 38 pontos e se igualou a Charles Barkley com a segunda melhor marca da história dos playoffs da NBA. De quebra, derrubou a melhor marca da carreira nos playoffs em partidas seguidas ao marcar 50 no jogo 6 e 45 no jogo 5. Foi a primeira vez que ele anotou mais de 40 pontos em dois jogos consecutivos no mata-mata.
Além de todos os recordes, pessoais ou gerais, o astro também se equiparou a Eric Floyd, Rick Barry and Wilt Chamberlain como únicos jogadores dos Warriors a anotar 50 pontos ou mais em jogos de playoffs.
O atual bicampeão da NBA não deu qualquer chance para o adversário e resolveu, depois de dois jogos preguiçosos com reveses inesperados, acelerar e impor o seu melhor jogo. A defesa foi sólida e, no ataque, além de Durant, Draymond Green também se destacou ao conseguir um "triple-double" de 16 pontos, 14 rebotes e 10 assistências.
O único momento ruim dos Warriors na partida foi o início, em que demoraram para se encontrar e viram os Clippers abrirem 10 pontos. No entanto, Durant logo liderou a remontada ao engatar uma sequência de pontos e os visitantes passaram à frente com uma bola de três de Steph Curry. O armador, aliás, deu um susto ao ir aos vestiários para receber atendimento depois de torcer o tornozelo direito em disputa de bola. Recuperou-se, no entanto, e voltou à quadra no segundo tempo, etapa em que o Golden State esfriou a reação do time da casa e, com o talento monstruoso de Durant, deslanchou no placar para sustentar a vantagem.
Pelo primeiro jogo da semifinal da Conferência Leste, Toronto Raptors e Philadelphia 76ers se enfrentam neste sábado, às 20h30 (de Brasília). No outro confronto deste sábado, Denver Nuggets e San Antonio Spurs, com a série empatada em 3 a 3, duelam às 23 horas no ginásio Pepsi Center, em Denver, para decidir quem avança à próxima fase.

Escrito por:

Estadão Conteúdo