Publicado 23/04/2019 - 06h00 - Atualizado 22/04/2019 - 12h53

Por Do Correio

As obras do Anel Viário devem ser aceleradas

Reprodução

As obras do Anel Viário devem ser aceleradas

URGE A CONSTRUÇÃO DO ANEL VIÁRIO
Quem teve a oportunidade de assistir a um acontecimento ocorrido anteontem na cidade, pode facilmente avaliar a necessidade urgente da construção do anel viário de Campinas. Anteontem, 21 de abril, feriado, caiu justamente numa segunda-feira. Com isto, os trabalhadores tiveram três dias consecutivos de folga. Sábado, domingo e segunda. Muitos saíram da cidade, e procuraram as estações de férias para um descanso merecido de três dias. Outros dirigiram-se para localidades interioranas, a fim de visitar parentes distantes. E muitos, ainda, vieram de outras localidades para Campinas com o mesmo fim. E anteontem, aconteceu na cidade o inevitável: um intenso movimento de veículos que só não congestionou o trânsito urbano graças a pronta intervenção da Guarda Civil local.
 
CENTRO DE CONVIVÊNCIA PARA FESTIVIDADES DO CENTENÁRIO
Estiveram reunidos na noite de ontem, no Conservatório Musical Carlos Gomes, os nomes mais representativos do mundo cultural e artístico de Campinas. O assunto em debate foi o da campanha que será desenvolvida no sentido de despertar a opinião pública para a necessidade imperiosa que há da atual administração municipal em reiniciar as obras do Centro de Convivência, paralisadas a mais de um mês. Várias opiniões foram manifestadas sôbre a melhor forma que deverá ser adotada para demonstrar em linhas gerais, a realidade do conjunto arquitetônico que se encontra em embrião na Praça Fluminense.
 
NÁSSER ESTÁ DISPOSTO A NEGOCIAR COM ISRAEL
O presidente Gamai Abdel Násser declarou para um programa da televisão norte-americana transmitido ontem a noite que está disposto a reconhecer a Israel o direito de livre transito no Canal de Suez caso se chegue a um acordo no conflito do Oriente Médio. Na entrevista — a primeira que concedeu em quatro anos a uma cadeia de televisão estrangeira — o presidente da República Árabe Unida (RAU) disse que Israel devia previamente restituir to-dos os territórios ocupados desde 1967 e devolver todos os direitos aos cidadãos palestinos atualmente refugiados nos países vizinhos.

Escrito por:

Do Correio