Publicidade

Publicado 29/01/2019 - 06h00 - Atualizado 28/01/2019 - 14h35

Por Do Correio

A profa. Albertina Dias Rosa conta ao repórter detalhes do objeto voador que eia viu durante a noite de ontem

Reprodução

A profa. Albertina Dias Rosa conta ao repórter detalhes do objeto voador que eia viu durante a noite de ontem

OBJETOS NÃO IDENTIFICADOS CONTINUAM EM CAMPINAS
Causou sensação ontem à grande maioria de pessoas residentes à rua Alvaro Muller, no bairro Guanabara um objeto estranho não identificado que cruzou os céus por volta das 19,30 horas. As crianças, brincando na citada rua, foram as primeiras a presenciarem o objeto voador. Rápidamente chamaram pelo pais e vizinhos, que saíram a descoberto para presenciar o objeto. A professôra Albertina Dias Rosa, que leciona Ciências no Colégio Estadual Barão de Ataliba Nogueira foi uma das muitas pessoas que ocorreu à rua atendendo ao chamado das crianças. "Quando cheguei tive tempo de observar que uma bola prateada riscava o céu. Fiquei tão impresionada que corri até a próxima quadra dessa rua para presenciar melhor o objeto, mas daí já era tarde". Foi isso que a professôra Albertina Dias Rosa contou à reportagem, algo temerosa de que suas palavras não fôssem compreendidas pelo público.
 
VAI MUDAR TUDO NA EDUCAÇÃO
Campinas já está se preparando para se tornar sede de una das dez unidades regionais em que foi dividida a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo. A informação foi prestada ontem à reportagem pelo prof. Ruy Sodré Padilha que nos revelou ainda ter estado em nossa cidade, há cinco dias aproximadamente o prof. Gerson de Moura Musel, assistente do titular da Pasta da Educação, que aqui solicitou ao delegado interino da Educação, a indicação de um local onde pudesse funcionar a unidade local. Depois dessa visita, o prof. Ruy procurou escolher um local de fácil acesso, e que se localizasse próximo a parte central da cidade. Foi então escolhido o Grupo Escolar Orozimbo Maia, que por sinal conta com algumas salas vagas.
 
MAIOR AJUDA À AMERICA LATINA
O presidente Richard Nixon convidou ontem a Nelson Rockfeller, governador novaiorquino, para chefiar uma missão que visitará em breve a América Latina. Esta missão oferecerá ajuda norte-americana aos governos do hemisfério sul, depois de conhecer seus processos de desenvolvimento. Gallo Plaza, secretário geral da Organização dos Estados Americanos foi quem sugeriu o nome de Rockfeller no encontro que manteve com o presidente Nixon. Rockfeller foi lembrado por se tratar de velho amigo da América Latina com quem já tratou diversos negócios em ocasiões anteriores.

Escrito por:

Do Correio