Publicidade

Publicado 24/12/2018 - 06h00 - Atualizado 19/12/2018 - 14h20

Por Do Correio

D. Cecília de Godoy Camargo, Guilherme de Almeida e dr. Sylvino de Godoy, na noite da homenagem ao

Reprodução

D. Cecília de Godoy Camargo, Guilherme de Almeida e dr. Sylvino de Godoy, na noite da homenagem ao "Príncipe dos Poetas"

O POETA GUILHERME DE ALMEIDA EM CAMPINAS
O poeta Guilherme de Almeida estêve em, nossa cidade para receber homenagem do "Clube dos Poetas". Foi um momento de emoção, quando o "Príncipe dos Poetas" pôde sentir de perto, as atenções, o carinho e o afeto dos seus conterrâneos, bem como rever velhos amigos, relembrando tempos da Faculdade de Direito de São Francisco, com o seu colega de turma dr. Sylvino de Godoy, diretor-presidente desta fôlha. Também Guilherme de Almeida sentiu a vibração de sua poesia "Nossa Bandeira", declamada pela jornalista Cecília de Godoy Camargo, momento de entusiasmo e aplausos pela magnifica interpretação dada pela declamadora. Foi um instante feliz, um encontro de saudade que o autor de "Acalanto de Bartira" relembrará de sua terra natal.
 
CAMARGO GUARNIERI NO CENTRO DE CIÊNCIAS
Numa promoção conjunta da Comissão Estadual de Música e do Centro de Ciências, Letras e Artes realizar-se-á dia 27 do corrente, quinta-feira, às 20,30 horas, no Auditório do Centro de Ciências uma conferencia ilustrada, dirigida pelo insigne Maestro Camargo Guarnieri, o mais renomado compositor vivo do Brasil. De inicio Camargo Guarnieri fará uma exposição sobre a obra a ser executada. Em seguida, a excelente e conhecida violinista uruguaia Maria Vischnia (Primeiro Premio do Conservatório Musical de Paris, Primeiro Premio e medalha de ouro do Concurso Internacional Carl Flesch de Londres, executará acompanhada pelo autor, a Sonata n.o 5 para Violino e Piano. A terceira parte do programa constará de vários nu-meros de canto (poesias de autores brasileiros musicadas por Camargo Guarnieri).
 
A COSMONAVE APOLO-8 HOJE NA LUA
A nave Apolo-8 cruzou ontem, às 17 horas e 29 minutos, hora de Brasília, o ponto terminal do domínio da gravidade terrestre, penetrando no campo de atração lunar. Os visitantes da Terra, que hoje se aproximarão a somente 96,5 kms. da Lua, realizarão uma série de manobras. A nave espacial americana circunavegará o nosso satélite em seu lado escuro, que não pode ser visto, colocando em funcionamento seu foguete de propulsão para diminuir o impulso e entrar em órbitra em tôrno da Lua.

Escrito por:

Do Correio