Morador fica sem local para lazer
Publicidade

Publicado 09/11/2018 - 08h52 - Atualizado 09/11/2018 - 08h53

Por Beatriz Andrade

Brinquedos enferrujados e falta de manutenção afugentam crianças

Thomaz Marostegan/Especial para a AAN

Brinquedos enferrujados e falta de manutenção afugentam crianças

Uma praça infantil precária, tomada pelo mato e pelo descaso, fez com que muitas crianças do Novo Campos Elíseos trocassem as brincadeiras de rua pela diversão em casa. A estrutura, que conta com diversos brinquedos e com um bom espaço para a garotada, está deteriorada por conta da falta de manutenção regular, que hoje impede que a praça seja utilizada pela população. Com uma escola próxima, o espaço era constantemente utilizado pelos alunos e por suas mães antes do início das aulas, mas, agora, não é mais frequentada por ninguém.
A reportagem do Correio Popular, em visita ao local indicado pelos moradores, confirmou a preocupação da população. O mato, que chega a bater na cintura de algumas pessoas, não permite que as crianças brinquem, ou que até mesmo enxerguem onde estão pisando. Além disso, os brinquedos já estão enferrujando e os pais se preocupam com os bichos que podem habitar a praça. De acordo com os moradores, a equipe de roçagem foi até o local apenas duas vezes em 2018, e que, apesar das reclamações constantes, nunca houve resultado.
Segundo Celso Izidoro da Silva, mecânico de 48 anos e proprietário de uma automecânica localizada em frente a praça, a situação é “muito triste.”
“Muitas crianças costumavam vir brincar aqui, mas não tem mais como. Uma criança um pouco menor se perde aí no mato”, afirmou o mecânico. Segundo ele, as reclamações são inúteis, porque nada é feito. “A equipe que deveria resolver a situação veio até aqui apenas duas vezes o ano inteiro, e, depois, não os vimos mais. Não tem como continuar desse jeito. É um descaso absurdo”, afirmou Celso Izidoro da Silva.
Em nota, a Prefeitura de Campinas informou que o Departamento de Parques e Jardins (DPJ), da Secretaria de Serviços Públicos, fará o corte do mato e a manutenção dos equipamentos do parquinho nos próximos dias. “As equipes do DPJ fazem limpeza e manutenção periodicamente nas praças da cidade. Importante esclarecer que em períodos de chuva a grama cresce mais rapidamente.
Os cidadãos podem apontar os locais que necessitam da manutenção por meio do telefone 156 e do aplicativo Colab, informou a nota.

Escrito por:

Beatriz Andrade