Espera por ônibus acaba em 'banho'
Publicidade

Publicado 21/09/2018 - 11h04 - Atualizado 21/09/2018 - 11h04

Por Beatriz Maineti

Combinação entre buracos e trânsito pesado em dia de chuva: transtornos

Leandro Torres/AAN

Combinação entre buracos e trânsito pesado em dia de chuva: transtornos

O ponto de ônibus na esquina das ruas Dr. Ricardo e Dr. Mascarenhas, no Botafogo, em Campinas, tem causado “banhos” nos usuários. Uma série de buracos e pedaços onde o asfalto cedeu devido ao peso do transporte público, além de prejudicarem os motoristas que passam por ali, empossam a água da chuva, que é totalmente expelida na direção dos passageiros. O espaço reservado para os usuários, que se acumulam no local nos horários de pico, não é suficiente, e deixa várias pessoas expostas à chuva e ao relento.
Segundo Cleiton Silva, contador de 40 anos, a situação é a mesma desde que ele começou a pegar o ônibus naquele ponto, há cerca de três anos. "O peso dos ônibus faz o asfalto ceder, além dos buracos que lotam a rua, e, quando o ônibus passa por ali, todo mundo é atingido" , afirmou o contador.
Outro lado
A Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) informou que o abrigo está localizado em uma área sensível em razão da alta circulação de veículos do transporte público e que são 12 linhas municipais que possuem ponto na Dr. Ricardo.
“Recentemente, a (Emdec) entrou em acordo com a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) para remanejamento dos ônibus de linhas intermunicipais, que tinham ponto de parada na Dr. Ricardo, e que foram deslocados para o interior do Terminal Metropolitano. Com a abertura de espaço na Dr. Ricardo, houve significativa redução do volume de passageiros que utilizam o abrigo”, informou.
Diante desse novo cenário, a Emdec informou ainda que elaborou um projeto que prevê revitalização e melhorias na circulação na via, nos trechos entre a Benjamin Constant e a Dr. Mascarenhas. “O projeto se encontra na programação para execução e terá impactos positivos no abrigo em questão, que será desmembrado e terá o número de coberturas ampliado”, ressaltou a nota.
Já a Secretaria de Serviços Públicos disse que enviará técnicos ao local, na próxima semana, para fazer vistoria da situação da rua e tomar as providências para executar os reparos necessários.

Escrito por:

Beatriz Maineti